segurança doméstica infantil segurança doméstica infantil

Confira 5 dicas de segurança doméstica infantil

4 minutos para ler

Por causa da pandemia do coronavírus, as crianças estão passando muito mais tempo em casa. Com as medidas de distanciamento social, os pequenos não podem ir para a escola ou sair para brincar com os amiguinhos. Assim, investir em segurança doméstica infantil se tornou indispensável para que os seus filhos possam se divertir em casa, sem correr riscos.

Desse modo, coisas simples, como móveis mal posicionados, podem significar um grande perigo para as crianças, visto que existe a possibilidade de se chocarem contra o objeto enquanto brincam. Logo, é preciso redobrar os cuidados para que elas possam liberar a energia acumulada em segurança.

Quer evitar acidentes domésticos? Confira, neste post, as 5 melhores dicas para deixar o seu lar mais seguro!

1. Use câmeras de segurança para monitorar as crianças quando estão sozinhas

Muitos pais estão trabalhando em home office na pandemia, o que traz o desafio de conciliar as atividades profissionais e os cuidados com os seus filhos. Então, se você fica preocupado com o que as crianças estão fazendo enquanto está no escritório, uma boa solução é utilizar câmeras de segurança para monitorar os pequenos.

Com o sistema de Circuito Fechado de TV (CFTV), você pode instalar câmeras nos ambientes internos e externos, transmitir as imagens por meio de banda larga para o seu celular ou tablet, e detectar movimentos. Desse modo, poderá acompanhar a movimentação dos seus filhos a qualquer instante e de qualquer lugar, intervindo sempre que houver necessidade.

Outra vantagem desse equipamento é permitir verificar se a criança é tratada adequadamente por quem está cuidando dela ou se alguma pessoa estranha se aproximou do seu filho, por exemplo.

2. Mantenha objetos cortantes e perigosos em lugares de difícil acesso

Basta um minuto de distração do responsável para que uma criança pegue um item perigoso e se machuque. Portanto, objetos perigosos, como facas, louças, fósforo, plástico e fios devem ser mantidos em locais em que as crianças não consigam visualizá-los.

Além disso, também é importante explicar para os pequenos sobre os perigos e consequências de mexer em tais objetos. Jamais deixe a criança brincar com algo que possa provocar um acidente, pois isso acaba estimulando a mexer em outros itens.

Nesse sentido, se você a deixa brincar com o carregador de celular, por exemplo, ela poderá entender que não há problemas em pegar fios, plugues e demais eletrodomésticos que geram riscos.

3. Confira se as cortinas e prateleiras estão bem fixadas

As crianças são naturalmente curiosas e adoram testar limites. Ao ver uma cortina balançando com o vento, elas podem se pendurar no tecido e, se o objeto não estiver bem preso, acabam caindo.

Para que esse tipo de acidente não aconteça, verifique se as cortinas e prateleiras estão bem fixadas. No caso das prateleiras, o ideal é deixá-las mais altas para que o seu filho não possa alcançá-las.

4. Posicione os móveis corretamente

É fundamental ter espaços livres para que as crianças possam se movimentar em segurança dentro de casa. Logo, móveis mal posicionados ou com pontas podem causar colisões e acidentes.

Diante disso, distribua os seus móveis considerando o espaço que o pequeno precisa para brincar, além de dar preferência para objetos com acabamentos arredondados.

5. Instale grades de segurança nas janelas e sacadas

Se você mora em apartamento ou em uma casa com mais de um andar, é fundamental instalar grades ou redes de proteção para evitar quedas e acidentes. Isso permite deixar os ambientes bem ventilados enquanto as crianças brincam, sem maiores preocupações.

Além disso, as grades de proteção também evitam a invasão de ladrões e ajudam na segurança dos animais de estimação, como gatos e cachorros.

As crianças são cheias de energia e estão sempre prontas para brincar e explorar. Por isso, supervisioná-los é uma tarefa que demanda muita atenção para com a segurança doméstica infantil. Ao identificar ações e objetos perigosos, você pode efetuar mudanças que evitarão problemas, possibilitando que elas brinquem à vontade e, o mais importante, com o máximo de segurança.

Quer investir em câmeras para monitorar e aumentar a segurança dos seus filhos? Entre em contato com a Alfa Segurança e descubra como podemos ajudar!

Posts relacionados

Deixe uma resposta